Como funcionará o projeto bilionário de fusão nuclear para gerar energia limpa e ilimitada
Dicas
6/8/2020

Como funcionará o projeto bilionário de fusão nuclear para gerar energia limpa e ilimitada

por
Danilo Acrina

Após a conclusão, essa instalação poderá começar a gerar o "plasma" superaquecido necessário para a produção de energia.

A instalação, de £18,2 bilhões (R$ 121 bilhões), está em construção em Saint-Paul-lez-Durance, no sul da França.

Defensores dizem que a fusão pode ser uma fonte de energia limpa e ilimitada que ajudaria a enfrentar a crise climática.

A atual energia nuclear depende da fissão, em que um elemento químico pesado é dividido para produzir elementos mais leves.

A fusão nuclear, em contrapartida, funciona combinando dois elementos leves para criar um mais pesado. Isso libera grandes quantidades de energia com muito pouca radioatividade.

A ideia básica é pegar um tipo de gás hidrogênio, aquecê-lo a uma temperatura superior a 100 milhões de graus até que ela forme uma fina e frágil nuvem chamada plasma, para então controlá-la com ímãs poderosos, de modo que os átomos se fundam e gerem energia.

O Iter deixará o plasma quente confinado em uma estrutura chamada Tokamak, para controlar as reações da fusão.

O projeto tem como objetivo ajudar a demonstrar se a fusão pode ser comercialmente viável. O presidente da França, Emmanuel Macron, disse que o esforço unirá os países em torno de um bem comum.

Leia também em

Dicas
Nenhum post encontrado

Últimos Posts

Curiosidades

Novo pacote de expansão de The Sims 4 é focado em diminuir o impacto ecológico da vida de seu Sim por meio de várias ações eco-friendly e uma comunidade criativa

Leia mais
Sustentabilidade

Os combustíveis fósseis são os meios de geração de energia mais utilizados atualmente.

Leia mais
Curiosidades

Geração eólica no Nordeste bateu recorde no último dia 2 de agosto.

Leia mais
Notícias

Com os recursos, a 2W pretende se consolidar no “varejo”.

Leia mais
Sustentabilidade

Democrata prevê gerar empregos no setor para superar impacto econômico da pandemia

Leia mais
Notícias

No metrô de São Paulo, pessoas começam a usar máscaras de proteção após confirmação de caso de coronavírus no Brasil

Leia mais